Técnicas de SEO para blog

26 de abril de 2021

Atingir as primeiras posições em sites de busca é o sonho de muitas empresas. Mas para isso, é preciso conhecer as técnicas de SEO e colocá-las em prática.

Ao produzir textos para o seu site, você utiliza uma estratégia chamada Inbound Marketing. De maneira geral, isso significa que você está gerando conteúdos relevantes totalmente relacionados à sua marca e que podem ajudar o público-alvo a sanar dúvidas ou solucionar problemas.

Ao ajudar o leitor, sua marca ganha credibilidade, e isso aumenta significativamente as chances de atrair leads qualificados e convertê-los em vendas.

A melhor maneira de fazer com que isso aconteça é produzindo matérias para o blog institucional. Mas não basta apenas escrever conteúdos. Para entregar respostas cada vez mais fiéis aos usuários, os algoritmos do Google estão em constante atualização, sendo necessário seguir técnicas de SEO para conquistar a otimização do conteúdo.

E para te ajudar nesta tarefa não tão fácil, separamos algumas regras que precisam ser seguidas no momento de escrever sua matéria para o blog.

Técnicas de SEO para produzir blogs otimizados ????

1 – Escolha uma palavra-chave estratégica

A primeira entre as técnicas de SEO que vamos apresentar neste conteúdo é a escolha da palavra-chave. Trataremos disso antes das demais regras, pois esta definição não pode ser esquecida em momento algum.

De modo geral, escolher uma palavra-chave significa definir um termo que representa o assunto tratado na matéria. É fundamental que ela esteja presente em alguns lugares específicos: título, meta description, primeiro parágrafo e primeiro subtítulo.

Além disso, a palavra-chave precisa aparecer diversas vezes no decorrer do texto. É recomendado utilizá-la em 5% do total de palavras. Ou seja, se o conteúdo possui 1.000 palavras, ela precisa aparecer 50 vezes.

A escolha precisa ser feita de forma estratégica. Existem várias ferramentas que nos ajudam a verificar qual termo de busca trará mais resultados. Ubersuggest, Google Trends e Google Semântica são algumas delas. Em outra matéria, vamos apresentar cada uma delas para que você entenda como utilizá-las em suas produções.

2 – Defina um “Title” atrativo

Entre as técnicas de SEO está a definição do “tittle”. Sim, tittle, em inglês mesmo!

O termo representa o título que sua matéria terá nos sites de busca. Ele precisa ser curto, conter a palavra-chave escolhida para a matéria e muito, mais muito atrativo.
Tão atrativo a ponto de fazer com que os internautas cliquem na matéria para esclarecer suas dúvidas.

Fonte: Google.

3 – Produza uma meta description de acordo com as técnicas de SEO

A meta description é o pequeno texto que resume a sua matéria nos sites de busca.

Apesar de não ser uma das técnicas de SEO decisivas para indexar o conteúdo, essa pequena descrição ajuda o internauta a identificar se o tema atende às suas necessidades.
Não se esqueça de usar a palavra-chave neste item. Isso facilitará que a página seja encontrada quando pessoas procurarem por ela.

Fonte: Google.

4 – Faça os buscadores identificarem as fotos usadas

O Google não consegue entender o que está aparecendo na imagem, a não ser que você conte isso para ele.

Uma das técnicas de SEO trata sobre isso. Realizar o “alt-tag” nas imagens faz com que os buscadores reconheçam a foto por meio da explicação que o autor dá em campos como texto alternativo, título, legenda e descrição.

Evitar espaços e caracteres especiais no título da imagem também ajuda o algoritmo na leitura. Não se esqueça de inserir a palavra-chave ou termos similares neste processo também.

5 – Divisão do conteúdo

A forma como você apresenta as soluções do decorrer da matéria também é analisada pelo algoritmo dos mecanismos de busca. A legibilidade também é um ponto muito importante para a otimização do conteúdo.

Existem muitas técnicas de SEO que envolvem a divisão do conteúdo, mas para ter certeza de que está escrevendo de uma forma amigável para o algoritmo, divida o texto em vários blocos.

Os subtítulos precisam ser autoexplicativos e uma boa parte deles precisa utilizar a palavra-chave. As seções devem conter parágrafos curtos e diretos, explicando o conteúdo de maneira didática e assertiva.

6 – Cuidado com as técnicas de SEO que envolvem programação

Como estamos falando de produção de matérias em blog, não entraremos com profundidade nas técnicas de SEO que envolvem a programação do site, mas saiba que elas interferem diretamente na capacidade de indexação do mesmo.

Converse com o profissional que desenvolveu o seu site e busque compreender se as páginas estão otimizadas para mobile. Nos últimos anos, o número de buscas feitas por meio de dispositivos móveis só aumenta e, com isso, os algoritmos dão prioridade por mostrar conteúdos de sites responsivos, que melhorem a usabilidade do usuário.

A velocidade de carregamento também é um ponto que precisa de atenção. Sites lentos são jogados para o final da lista de indexação.

Uma ótima forma de acompanhar os resultados é acessar a ferramenta PageSpeed Insights do próprio Google. Nela, você poderá acompanhar o que precisa ser melhorado para atender aos pré-requisitos do buscador em questão.

Conte com o #teamBF para produzir matérias com técnicas de SEO

O melhor caminho sempre é contar com profissionais especializados no assunto, não é mesmo?

Aqui na Business Factory, trabalhamos com marketing digital e contamos com especialistas no assunto, produzindo matérias com técnicas de SEO totalmente focadas em indexação.

Quer saber mais sobre o serviço? Entre em contato com o nosso time!

Compartilhar

Newsletter

Quer ficar por dentro de outros assuntos do universo do marketing e da comunicação? Então, assine a nossa newsletter e receba tudo em primeira mão no seu e-mail!